sábado, 26 de abril de 2008

O romper oportuno

Olás!

Tive uma surpresa muito boa com os comentários do meu último texto, parece que o tema agradou. Aos que comentam aqui, agradeço, e aos que comentam no dia-a-dia, no msn, onde for, agradeço ainda mais. A bem da verdade, tive uma surpresa pra lá de boa.
Posso continuar? Bora.

Eu gosto muito de falar do conflito Permanência x Mudança.
Não é fácil mudar. A nossa inércia, maldita inércia, bendita inércia, nos impede de fazê-lo. Tendemos sempre a agir da mesma maneira, com os mesmos costumes, as mesmas pessoas, os mesmos sentimentos, os mesmos erros.
Muitas vezes, as pessoas dizem que queriam que ocorresse uma mudança na sua vida, ou que queriam sumir. Cabe a ela mudar, cabe a ela sumir! Pra nos ajudar, o acaso nos presenteia com oportunidades.

Vez por outra, nos aparecem as oportunidades. Nem sempre as percebemos, mas quase sempre, estão lá. Por que as perdemos?
A oportunidade de sair com alguém diferente, a oportunidade de viajar pra um lugar desconhecido, a oportunidade de ir trabalhar em um local diferente, a oportunidade de aprender uma coisa nova...?

A oportunidade de experimentar o novo.

Por que as pessoas deixam passar tanto essas oportunidades?
Mudanças podem ser melhor do que imaginam.

Já teve sua oportunidade hoje?



Márlio.

2 comentários:

Trita. disse...

Bá, marlio..
parece que estamos num padrão de pensamento parecido..
às 10 horas eu tava postando la no meu blog.. daí eu resolvi apagar tudo e escrever só uma dica.
daí mais tarde passei aqui no teu.. e tinha a mesma coisa.
Talvez estejamos vivendo um momento parecido. Cuidado com isso, guri. zD
abraço, rapaz.

plinio disse...

estive aqui de novo...e é verdade cara...mas como tu disse...precisa ver a oportunidade, mas se ver, aproveitá-la ao máximo =)